02/02/2013

LA CHANDELEUR

Festeja-se hoje, 2 de Fevereiro, em França a festa das candeias, la Chandeleur. A tradição, de origem religiosa, transformou-se hoje num alegre convívio familiar à vota do famoso crepe francês. Os Franceses têm centenas de histórias ligadas aos crepes, que surgiram no tempo dos romanos, passaram pela época dos primeiros cristãos e resistiram inalterados na sua forma e composição até os tempos modernos. Em torno deles existem engraçadas superstições. Uma delas é tentar jogá-lo para o ar, segurando a frigideira apenas com uma das mãos, mantendo a outra ocupada com uma moeda de ouro. Se cair certinho, serão garantidas ao felizardo equilibrista melhores oportunidades e riqueza. Em muitas regiões os camponeses tinham o costume de deixar um crepe aberto na cozinha para atrair sorte e afastar o fantasma da fome. É que os crepes, pelo seu formato e cor, lembravam as moedas de ouro usadas na época, os famosos "luíses", cuja denominação se referia aos diversos reis com o nome "Luís" que a França conheceu. Não tendo um "luís" real, tinham o crepe. Também há quem diga que o formato e a cor do crepe lembram o sol e a luz que se festeja nesse dia. Nas igrejas, as tochas são substituidas por círios benzidos que são mantidos acesos para afastar o mal, as trovoadas, a morte... e proteger as sementeiras.
A Responsavel pelo clube Galiamania, professora Rogélia Proença,  informa: 
Na próxima semana, dia 5, faremos os crepes e na 4a feira, dia 6, vamos, no intervalo da manhã às 10.10 oferecer/ vender os crepes feitos e recheados com chocolate, mel, compotas... Os alunos estarão vestidos de acordo com as personagens da aldeia gaulesa, pois também se aproxima o Carnaval... Montaremos uma espécie de mercado entre os pavilhões A e B... Esta é uma atividade do clube Gáliamania e dos alunos de Francês de 8ºA, 7º B e C. Eis o link da notícia em francês no blogue... 
 http://galiamania.blogspot.pt/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Licença Creative Commons
O trabalho Blogue das Bibliotecas de Tortosendo foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Portugal.